segunda-feira, 18 de outubro de 2010

Não subestime o diabo.


Uma vez, estava o diabo batendo na porta da casa de uma mulher, e todo dia a mulher mandava ele embora falando: "Pare de me incomodar", "Vá embora"... e isso se prolongou por muitos dias, e o diabo não cessava.
Certo dia, a mulher se cansou e resolveu perguntar ao diabo: "o que você quer?", " quero colocar este prego na sua parede" disse o diabo; "Ah! era só isso? porque não falou antes!?" , "Aí você vai parar de me incomodar?", "Sim" disse ele. E foi o diabo colocar o prego na parede da casa da mulher.
No outro dia, chegou o diabo botando porta abaixo, no prego ele pendurou uma carniça e se sentou no sofá,
e a mulher  com raiva e ao mesmo tempo assustada disse " Que isso diabo? vá embora!!!", "Não, aquele prego ali é meu" disse ele.



Moral da história: As vezes deixamos, passar algo na nossa vida que achamos que é apenas um "detalhe".
E este "detalhe" é a entrada que o diabo usa para entrar  na sua vida. Na história vemos que era apenas um preguinho numa casa, e naquele prego o diabo pendurou uma carniça a qual espalhou seu fedor por toda a casa, era direito dele entrar naquela casa, tinha algo lá dentro que lhe pertencia. Não deixe que pequenas coisas do mundo entre e influencie a sua vida. Não deis lugar ao diabo (efésios 4.27)